terça-feira, 19 de agosto de 2008

Sem palavras


Procuro em mim algo que possa descrever o momento que estou vivendo. Essa espécie de sensação de não pertencer a lugar nenhum. O que hoje habito, o conhecido, não mais me pertence. Meu é o que desconheço, o que ainda não alcancei, aquilo que não sei. Sentimentos paradoxais ocupam meu peito e se sucedem numa velocidade vertiginosa.
Pouco sei de mim... tudo sei de mim.
Sou, no momento, uma total ausência de palavras. Sou, somente, interrogações e exclamações.

Crédito de imagens: derek

23 comentários:

Deusa Odoyá disse...

Olá minha estimada amiga.

Vc. é uma pessoa de bem com a vida, abençoada por deus, determinda em suas ações e pensamentos, fiel aos amigos, amorosa, poetiza, como eu, feliz em sua trajetória de vida e simplismente uma excelente psicóloga.
Beijos da amiga.
Pois amigos são sempre para nos dar forças em qualquer situação que possamos estar.

beijos e que meu mestre jesus te abençõe e te proteja.

Regina Coeli.

Sonia Regly disse...

Amiga Lúcia,
Realmente, nós somos uma incognita!!! Têm dias que achamos que sabemos tudo de nós.Têm dias que nos sentimos perdidos ,sem rumo, sem saber o que fazer.O ser humano é uma caixa de surpresas.Beijinhos.

Etelvina de Oliveira disse...

Oi, Lú

Quer ler um pouco sobre "achismo"?
Lá vai!
Eu acho que você completou mais um ciclo da sua vida e esta indo em direção ao novo.
Eu acho que isso assusta, não queremos ficar e tememos o desconhecido.
Acho também que deixar as pessoas que conhecemos, que nos amam, nos dá uma sensação de abandono.

Só tenho uma certeza:
"Deus está contigo.
Ele conhece seu coração e sabe de cada detalhe da sua vida e das suas necessidades.
Descanse nele. Confie!
Ele abrirá o caminho e andará contigo."

Já reparou que ele cuida das árvores e dos pássaros em tempos de seca?
O que dirá de você!

Venha logo! Pra onde você for tem muita gente precisando de você.

Eu sou mais uma. kkkkkkkkkkk

beijo amigaaaaaa

Anônimo disse...

Oi Lu!
Que saudade!!!
Como está... além de sem palavras?
Lendo o que escreveu lembrei-me de uma poesia que escrevi quando fui embora de Corumbá para Tangará...
Tem muito a ver com o que falou no seu texto, sobre não ser de lugar nenhum; Tbém estou assim como você.
Gostaria de poder conversar um pouco mais contigo. Espero que esteja bem; e te desejo coragem e ânimo para sua nova empreitada; Sei que não é fácil mudar, mudar de cidade, mudar de tudo... porém, tudo se ajeita. Felicidade total é o que emano para ti, e tenho certeza que isto acontecerá.

Abraços cheios de saudades,
Thereza.

Dora disse...

Lu,

Acho que somos pontos de exclamação e interrogação sempre.Não sabemos nada.Não dominamos nada.Vivemos.Ainda bem.
Quando acontece o ponto final é porque já ocorreu a conclusão.Acabou.Finitude.Portanto, se somos Vida e Movimento nos defrontaremos sempre com as exclamações e interrogações.
Deixa seguir.Assim é a vida.
Bjs da Dora.

O Sibarita disse...

Oi Dona Moça! O que se pode dizer de um texto desse aflorado do vazio momentâneo?

Sua menina, toda mudança é assim, ficamos titubeando e se perguntando se dará certo, se estamos fazendo a coisa certa e por ai vai... Porém, acreditemos e confiemos nas novas pespectivas e expectivas. Na realidade, a partir do momento que a mudança ocorrer esse vazio será debelado pelo novo horizonte...

O mudar e ter coragem para isso já demonstra o quanto você é uma vencedora!

Então Fia, toca o seu barco para a Lapinha e no mastro deixe tremular a bandeira e nela, aqui vou eu, sem medo de ser feliz! A brisa sopra a favor, conspira sempre para aqueles que sabem o que quer, você sabe com certeza!

Eitá que mulher é essa meu Deus? kkk

bjs
O Sibarita

Lucia disse...

Regina:

Você é que é bondosa e sempre ve qualidades em todas as pessoas. De qualquer forma, agradeço o elogio.
Fique com Deus
Beijos

Lucia disse...

Sonia:

Ainda bem que podemos nos surpreender com nós mesmos, né?
Seriamos um tédio se assim não fosse..rs. Mas mudanças sao sempre dificeis de enfrentar com tranquilidade, mas costumam ser para melhor..
Beijos

Lucia disse...

Etel:

É difícil, sabe? Vou para perto daqueles que amo, mas vou deixar pessoas amadas aqui tb. De qualquer forma, vou seguir em frente. Tudo o que vivi aqui vai comigo, dentro do meu coração.
Beijos, querida

Lucia disse...

Thereza:

Sei que nem preciso te dizer nada, porque você sabe exatamente como estou.. já passou por isso. Também gostaria de conversar mais, só que infelizemnte pouco tenho conseguido entrar na net. Mas logo tudo se ajeita e volta ao normal.
Beijos, querida

Lucia disse...

Ah, Dorinha...

Tudo o que quero é deixar a vida seguir, e você mais do que ninguém sabe disso. Difícil é, só, ter que deixar pedacinhos preciosos da vida para trás.

Beijo super carinhoso

Lucia disse...

Siba:

Você está certo. A partir do momento em que a mudança se concretizar o vazio desaparecerá. Vai ficar saudade das pessoas especiais, disso não tenho duvida.
E tenho muita sorte, sabe? Tenho pessoas maravilhosas ao meu lado.
Mas como diz você, é botar o barquinho no mar e seguir em frente. Já estou içando velas..rs
Beijos, moço querido

Odele Souza disse...

Lucia,

O que você escreve neste post está totalmente coerente com o seu perfil aí do lado "Quem sou eu" rsrs. Brincadeira.

Mas é isto mesmo amiga, há dias em que nos desconhecemos. E assim é o ser humano. Um grande desconhecido.

Um beijo com muito carinho pra você.

Lucia disse...

Odele:

Engraçadinha..rss. Mas menina, estou no meio de uma confusão objetiva, mesmo..rs. Depois de 27 anos morando no MS, estou voltando para SP, no final do mês. Então, um lado meu vibra mais do que de atleta que acabou de ganhar medalha de ouro; o outro, no entanto, chora, porque estou deixando pessoas que são extremamente significativas para mim. Dá para entender a bagunceira que está aqui dentro? rs
Beijos carinhosos

Deusa Odoyá disse...

Olá minha amiguinha.

Passei para lhe desejar uma semana com muita paz, saúde, amor,e principalmente a paz do doce jesus.

minha linda mil estrelinas em seus caminhos, eu lhe desejo.

Sua nova amiga, mas muito presente.
Regina Coeli.

Etelvina de Oliveira disse...

Lú,

vemmmm logooooooooooooo

beijos

Lucia disse...

Regina:

Uma semana de muita paz para você também.
Beijos

Lucia disse...

Etel:

Tooooooooooo chegandoooooooooooo!

Beijos

Rai pires disse...

Oi Lúcia,nós sabemos de tudo e ao mesmo tempo somos ignorantes.Ninguém sabe nada de ninguém.Obrigado pela sua visita.Bom fim de semana.Bjs raimundo Pires

mendogas disse...

Oi Lucia eu já passei por isso tambem muita forçaamiga

Lucia disse...

Raimundo:

É verdade... mas talvez seja exatamente esse não saber tudo que torna as coisas mais excitantes, que nos impulsiona a sempre buscar novidades.
Beijos

Lucia disse...

Mendonga:

Obrigada pela visita. Volte sempre.
Abraços

Anônimo disse...

Lucia...

Falar o que, analisar o que?

Acho que estou ai, no mesmo "yellow submarine"

Abraços

Do amigo de Curitiba.

Sérgio